segunda-feira, 15 de outubro de 2007

Imaginem se a paixão funcionasse ao contrário!?!

Tudo começaria numa discussão. Seguir-se iam algumas traições e mentiras. Depois, alguns ciúmes e quem sabe algum interesse. Claro que, com o tempo, o interesse ia-se intensificando até ficar mais forte que nunca. Cada pequena coisa nos iria surpreender, como se fosse a primeira vez. A paixão tomaria conta de nós, aos poucos, de uma forma cada vez mais intensa e menos madura. Sempre em crescendo. Até que, por milagre, perderíamos da nossa consciência tal pessoa. Como se nunca a conhecêssemos.........

Vale a pena pensar nisso....

4 comentários:

Ecos de jardineiras... disse...

"Cada pequena coisa nos iria surpreender, como se fosse a primeira vez. A paixão tomaria conta de nós, aos poucos, de uma forma cada vez mais intensa e menos madura."

Vale mesmo a pena pensar nisso...gostámos muito do texto...

Filena disse...

Bem... que começo potente! Estamos tão habituadas a viver sempre do mesmo jeito que às vezes é engraçado imaginar como seria se tudo fosse diferente. Acho que foi uma boa escolha. Já agora... o texto é teu? Continuem! Beijinhos

Neverland disse...

Grandes palavras Kathy. Beijinhos

AS ANAS disse...

Estavas inspirada...lol
Beijinhos